Landing Page tipo Página de Vendas – você sabe o que é?

Tempo de leitura: 3 minutos

O fato é que você até pode vender online sem ter uma página de vendas. Por exemplo, dá para vender pelo Facebook, pelo Whatsapp, pelo e-mail, pelo Instagram ou usando quaisquer outras redes sociais. Mas, uma landing page tipo página de vendas pode impulsionar isso.

O motivo é que essa página vai conter todas as informações que importam para o cliente. Ou seja, enquanto que no Whatsapp ele precisaria ficar perguntando sobre o produto ou entrega ou outros assuntos, a ideia é que página de vendas ele tenha todas as respostas.

O que é a landing page tipo página de vendas

Vamos começar por partes: uma página de vendas é um lugar configurado onde o consumidor encontrará todas as informações importantes sobre o produto ou o serviço. Assim, temos um lugar que deve listar a descrição completa do que é oferecido.

Dá para incluir vídeos de apresentação e demonstração, por exemplo. Além de falar dos benefícios e das vantagens do produto. E, não podemos esquecer, que ali também deve estar o botão de compra (CTA).

No marketing digital, uma landing page também pode ser essa página de vendas focada na conversão do cliente. Ou seja, é quando ele vai fazer a compra. Mas, a ideia é que ele entenda a importância daquela compra para ele. Por isso, a ideia de conversão.

O que deve conter na página de vendas

Considerando, portanto, essa landing page tipo página de vendas, a pergunta que você pode fazer agora é: o que é preciso ter nesse layout? O título, o subtítulo, a descrição do produto/serviço, imagens, legendas, mas não é só isso.

Essas informações básicas são importantes sim e devem estar muito claras. No entanto, considere que mais importante do que elas é preciso você ter em mente a ideia do “completo”. Ou seja, tem que ser uma página completa, com todas as informações.

Então, pense em criar aquela FAQ de tirar dúvidas, por exemplo. Deixe os possíveis números e informações para contato também. Além disso, crie formulários, customize a identidade, use modelos planejados. Afinal, antes de vender, a ideia é fazer a conversão do cliente.

As páginas que convertem

Uma próxima dica que trouxemos aqui é sobre o tipo de landing page que você pode escolher. Nós estamos mencionando aqui, na maior parte das vezes, a página de captura e conversão. Mas, que também pode ser como uma página de vendas.

De qualquer modo, no marketing, ainda dá para usar uma página que seja de confirmação pendente, que serve para confirmar o cadastro e informar os próximos passos. Ou uma página de agradecimento ou de obrigado, que vem após a finalização da conversão.

A divulgação da página de vendas

O último passo que você precisa considerar é sobre a divulgação dessa página de vendas. Afinal, você teve todo trabalho para criar o conteúdo, certo? Então, agora é hora de fazer ele chegar até as pessoas. Para isso, pense em mecanismos de divulgação.

O que um site de e-commerce precisa ter? 5 elementos imprescindíveis

Um dos mais conhecidos, mais práticos, mais simples e baratos tem a ver com as redes sociais. Elas são ótimos canais para gerar leads. Depois, uma boa ideia é ter um site ou um blog, já que dá para incluir nas páginas os artigos mais acessados e mais curiosos, por exemplo.

Tem ainda a opção de enviar o e-mail marketing, que hoje em dia é visto como um dos canais mais eficientes para se comunicar diretamente com o cliente. Afinal, todo mundo tem um e-mail pessoal que serve para cadastros, recebimento de ofertas, entre outras coisas, né.

E, por último, na hora de divulgar a sua landing page tipo página de vendas, você também pode pensar em mídias pagas, como o Google Ads, o Facebook Ads e o Instagram Patrocinado, entre outros.

Se quiser, eu posso explicar os passos para isso. Entre em contato.