E-commerce e marketplace é a mesma coisa?

Tempo de leitura: 3 minutos

Entender as diferenças e as semelhanças entre e-commerce e marketplace é interessante porque as expressões tendem a ser usadas de forma similar. Só que elas possuem características que nem sempre vão para o mesmo caminho.

Aqui no meu blog, eu uso os termos de forma simples. Afinal, o que quero é que você entenda a ideia que estou passando, sem ficar preso à grafia. Mas, se você já se pegou tentando entender a diferença entre e-commerce e marketplace, eu vou explicar agora.

O que é e-commerce e o que é marketplace

Esse primeiro tópico é o que mais vai ser útil para você. Porque nele nós vamos definir o que é cada um dos termos. O marketplace é uma espécie de shopping virtual que possui várias lojas online instaladas em uma grande plataforma.

Enquanto isso, o e-commerce funciona como uma loja virtual comum, mas que pode ter alguma seção de marketplace também. Se você não entendeu, saiba que está tudo bem porque com o exemplo abaixo vai ficar fácil fácil.

  • O marketplace é uma união de várias empresas no mesmo lugar
  • O e-commerce é uma empresa que ocupa toda infraestrutura

O Mercado Livre seria um marketplace. Enquanto isso, a Amazon é um e-commerce porque ela tem o objetivo de ser um site próprio e vender os próprios produtos, mas também permite uma seção para os parceiros (marketplace).

O investimento no e-commerce e no marketplace

Um próximo ponto bacana e rápido é falar sobre o investimento no e-commerce e marketplace. No e-commerce, geralmente, você é dono da empresa, responsável pela plataforma, pode atualizar e usar todas as ferramentas e isso tem um custo.

Mas, no marketplace dá para considerar que você vai pagar uma espécie de comissão para outra empresa que é responsável por toda estruturação. Você perde um pouco da liberdade de montar o seu site como você quer. Mas, ganha em termos de comodidade.

  • O marketplace exige menos investimento, mas é menos flexível
  • O e-commerce é mais caro, porém, tende a ser exclusivo

Ainda sobre investimentos, também podemos citar o marketing. No e-commerce, tudo fica por sua conta, desde as campanhas até a visibilidade. No marketplace, como você está dentro de uma plataforma, você só cria o conteúdo. Mas, a estratégia não é sua, mas da empresa.

E isso também acaba respaldando no alcance. Já que ao vender pela internet, você tem que se preocupar em como e o quanto as pessoas vão chegar até a sua loja virtual. No e-commerce isso é tudo por sua conta, no marketplace o tráfego costuma ser bem maior e mais sólido.

O pagamento no e-commerce e no marketplace

Agora, você pode estar se perguntando: mas, se eu perco um pouco da liberdade no marketplace, então, como é que eu recebo o pagamento pelas vendas? Na verdade, não muda muita coisa. Isso porque no e-commerce você pode adicionar o que você quiser.

Saiba tudo sobre o pagamento online na internet

Ou seja, do cartão de crédito até o bitcoin. E você pode montar isso conforme a sua estratégia. Porém, no marketplace, atualmente, você só terá o gasto da hospedagem e poderá ter acesso as principais formas de pagamento, como cartão, boleto e até mesmo PIX ou transferência.

  • No marketplace você tem acesso aos principais meios de pagamento
  • No e-commerce você pode adicionar quais meios de pagamento quiser

E já que falamos do pagamento, é legal dizer que ambos, e-commerce e marketplace, devem contar com certificados para proteger os consumidores na hora de comprar. Isso também permite um melhor posicionamento no Google e aumenta o tráfego.

Qual é o melhor para você?

Como acabei de falar acima há vantagens de se investir em um e-commerce, assim como no marketplace. Só que para saber o melhor para você, o ideal é fazer uma autoanálise do seu empreendimento. E vou citar um exemplo.

Quem busca por exclusividade e quer ter a chance de criar a própria audiência, com promoções e diferenciais, o e-commerce acaba sendo melhor. Mas, quem busca por economia e facilidade, o marketplace é uma das vertentes mais viáveis.

Ainda tem dúvidas? Me chama no particular que eu explico melhor.