Vale a pena comprar lista de e-mail para divulgar produtos?

Tempo de leitura: 2 minutos

Você montou uma loja virtual, já comunicou seus amigos nas redes sociais, a sua família no almoço do domingo e está investindo em links patrocinados. Parece que tem tudo o que precisa, não é? Mas, aí surge uma “oferta” tentadora para comprar lista de e-mail e aumentar ainda mais as vendas. Será?

Saiba que dependendo do tipo de negócio que você possui e dos produtos que comercializa na internet, isso pode ser um erro. De um lado, o e-mail marketing torna-se fundamental para atrair novos clientes e aumentar as conversões. Por outro, lista de e-mails nem sempre resolvem a questão!

Disparar e-mail para milhares de pessoas

É possível comprar e-mails de pessoas que você não conhece. Assim, você acaba tendo em mãos uma lista enorme de endereços eletrônicos de pessoas que receberão sua propaganda. Mas, essa não é a melhor saída.

Por que? Algumas ferramentas possuem um mecanismo que filtra mailings comprados, tornando-os spam. E é aí que o prejuízo vem a tona.

Imagina só que chato, clientes que não tem nada a ver com o produto ou serviço que você vende, recebendo suas propagandas? Com certeza seu e-mail será banido e bloqueado por muitas pessoas. Com isso, a sua propaganda vai para o lixo e sua reputação também.

O ideal é disparar e-mails para pessoas que estão dentro do público-alvo do seu negócio. Assim, você acaba atingindo potenciais clientes para futuras vendas.

Criar a própria lista de e-mails

Uma base de e-mails precisa crescer com sua empresa, onde mensagens não solicitadas ferem sua credibilidade.

Para entender de forma fácil este tema, coloque-se no lugar de quem recebe e-mails indesejados. E você vai ver que comprar lista de e-mail não é tão legal como parece.

Com certeza, você já deve ter recebido algum e-mail que não tem nada a ver com o seu perfil ou gosto para determinados produtos, onde decidiu excluir o e-mail marketing sem sequer abri-lo, ou ainda, bloqueou o endereço para nunca mais receber nada relacionado a determinada empresa.

Você até pode conseguir 50 vendas em um disparo de um mailing de 15.000 pessoas, mas deve considerar que muitos não querem receber algo que não os interessa e isso precisa ser respeitado.

Quando você faz o disparo para uma base saudável de endereços, pode ter certeza que o número de conversões será muito maior.

Por isso, para construir um mailing válido, peça permissão aos seus clientes, com um campo específico em seu site, para que eles digitem e-mails e aguardem receber suas mensagens e propagandas.

Uma forma de aumentar a margem de acerto nas campanhas que sua empresa criar, atingindo pessoas que já conhecem sua empresa ou compraram seus produtos.

Se você entendeu a dica de hoje, mas não sabe por onde começar, entre em contato agora mesmo e fale com a nossa equipe de profissionais!

Para saber mais sobre o e-mail marketing

Gostou? Então não se esqueça de curtir nossa página no Facebook e acompanhar nossos posts sempre diferentes e recheados de informações interessantes.

Abaixo, temos um formulário para quem quiser entrar em contato e tirar outras dúvidas.

Podemos te ajudar?